Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GOSTAS DE HISTÓRIA?

Apontamentos e reflexões sobre temas históricos do passado ao presente...

GOSTAS DE HISTÓRIA?

Apontamentos e reflexões sobre temas históricos do passado ao presente...

Filme "Descartes"

22.02.12

Cartesius (Descartes), realizado no ano 2000, pelo realizador italiano Roberto Rossellini, baseia-se nas principais obras do filósofo e matemático, como O Discurso do Método (1637) e as Meditações Metafísicas (1641), para compor as ações "dramáticas" do personagem.

O filme completo pode ser visto no Youtube.

A Marquesa de Alorna

20.02.12

É o título do romance histórico de Maria João Lopo de Carvalho, que narra a extraordinária vida de uma mulher iluminista, cuja família, ligada aos Távoras, acusados de atentar contra o rei D. José I, em 1758, foi perseguida e torturada a mando do marquês de Pombal.

 

Eis a sinopse do livro apresentada no site da Leya Mediabooks:

"Leonor, Alcipe, condessa d`Oeynhausen, marquesa de Alorna - nomes de uma mulher única e invulgarmente plural. Chamei-lhe Senhora do Mundo. Poderia ter-lhe chamado senhora dos mundos. Dos muitos mundos de que se fez senhora. Inconfundível entre as elites europeias pela sua personalidade forte e enorme devoção à cultura, desconcertou e deslumbrou o Portugal do séc. XVIII e XIX, onde ser mãe de oito filhos, católica, poetisa, política, instruída, inteligente e sedutora era uma absoluta raridade. Viveu uma vida intensa e dramática, mas jamais sucumbiu. Privou com reis e imperadores, filósofos e poetas, influenciou políticas, conheceu paixões ardentes, experimentou a opulência e a pobreza, a veneração e o exílio. Viu Lisboa e a infância desmoronarem-se no terramoto de 1755, passou dezoito anos atrás das grades de um convento por ordem do Marquês de Pombal e repartiu a vida, a curiosidade e os afectos por Lisboa, Porto, Paris, Viena, Avinhão, Marselha, Madrid e Londres. Marquesa de Alorna, Senhora do Mundo é uma história de amor à Liberdade e de amor a Portugal. A história de uma mulher apaixonada, rebelde, determinada e sonhadora que nunca desistiu de tentar ganhar asas em céus improváveis, como a estrela que, em pequena, via cruzar a noite."

Sobe a tensão nas Malvinas

11.02.12

Hoje, o Dnotícias on-line publicou a seguinte notícia:

 

"A Argentina acusou ontem o Reino Unido de ter enviado um submarino com armas nucleares para uma zona do Atlântico sul, perto das disputadas ilhas Malvinas, que os ingleses designam por Falkland, noticiava a AP.

O ministro argentino dos Negócios Estrangeiros, Hector Timerman, afirmou a jornalistas, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), que um submarino, chamado Vanguard, com armas nucleares, tinha sido recentemente enviado para as Malvinas, como parte do destacamento britânico.

Acrescentou que a Argentina questionara o Reino Unido, através dos canais diplomáticos, se tinha introduzido armas nucleares no Atlântico sul.

Timerman adiantou que, "até agora, o Reino Unido recusou dizer se era verdade ou não".

Mais tarde, o embaixador britânico na ONU, Mark Lyall Grant, afirmou: "Não comentamos a localização de armas nucleares nem de submarinos".

Timerman disse ainda que a Argentina tinha aceite a oferta do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, para mediar a discussão com o Reino Unido."

 

As Malvinas são ilhas que se situam no Atlântico Sul, ao largo da Argentina, sendo a sua soberania reclamada por este país desde 1833, aquando da sua ocupação pelos britânicos. O conflito reacendeu-se em 1982, quando ocorre a chamada Guerra das Malvinas ou Guerra das Falklands, durante o governo de Margaret Tatcher, sendo que os ingleses saem vencedores.

 

 

 Imagem Wikipedia

Pág. 2/2